17 setembro 2007

 

ET phone home...


Luis Marques Mendes vem hoje denunciar o aparecimento de casos de fome em diversas regiões, nomeadamente no Vale do Ave, querendo aparecer como apenas mais um extra-terrestre da política partidária portuguesa. Nunca esteve por cá e ficou chocado com o que encontrou quando recentemente chegou ao país e foi eleito líder do PSD.

Afinal, este senhor é apenas eleito há duas décadas para deputado, foi líder parlamentar em 1996-99 e ainda Presidente da Comissão Internacional (Relações Internacionais?) de 1999-2002. Esteve no governo de 1985-95 e 2002-2004 e sempre, sempre, nos círculos mais influentes do poder.

Este papa-tachos, líder de um dos partidos responsável pelo atoleiro em que vivemos, tem a lata de acusar outrém. Como se a fome dos seus tempos de governo soubesse a carne, como se o que passa hoje, inclusivé no Vale do Ave, não fosse resultado directo dos incapazes e corruptos que nos têm governado. Só um ser minúsculo, de espírito, pode fazer esta política rasteira e pensar que nos engana.

Comments:
a demagogia bacoca de um profissional da política...
 
Companheiros,

a partir de hoje o bitoque tem link, a partir do Novas Torres!

Grande abraço Solidário
 
Cada dia que passa, mais esta triste figura justifica todos os trocadilhos, felizes ou infelizes que se façam com a sua "estatura" política.
 
O homem nunca tinha ido ao Vale do Ave, como o outro que gostava muito da Pátria mas nunca tinha ido à Pátria. Ele nasceu, cresceu (?), foi secretário do Governador-Civil da Fuzeta, foi eleito deputado por Barrancos, mas nunca tinha saído de Oeiras. Assim, não podia saber o que se passava no Vale do Ave, caramba!
 
A prova que ele nos engana è precisamente o seu percurso .
 
Desta vez não me parece...
 
Publicar um comentário

<< Home


   

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

   
   
Estou no Blog.com.pt