19 dezembro 2005

 

A culpa é dos marxistas


A direita portuguesa continua a brindar-nos com autênticas pérolas de sapiência. Então não é que o recurso à violência como "motor de transformação histórica" é um instrumento da esquerda? Apenas? Claro que o ilustre(?) orador se refere apenas ao séc.XX para chegar a esta brilhante conclusão. Talvez porque se olhasse um pouco mais para trás, quando a esquerda não existia enquanto tal, muito menos o marxismo, as guerras que sempre existiram entre os povos ficavam orfãs. Ou então, todas as guerras entre países ou entre povos deverão ter sido por um qualquer espírito embrionário do marxismo. Provavelmente desde os romanos. É isso de certeza. Mas isso se calhar implica que o marxismo é uma aspiração dos povos desde há muito tempo. E se calhar não é só resultado de um bando de tarados (terroristas, claro!). Não, não pode ser. O melhor é mesmo esquecer tudo o que vem antes do séc. XX, porque aí é mais fácil fazer a demagogia. Mas mesmo no século XX, já houve guerras depois da queda da União Soviética. E os talibãs e o Bin-Laden não me parecem muito comunistas. Até são religiosos! Pois, se calhar não faz sentido. Não interessa, o povo é estúpido e assim sempre se ganham alguns minutos no jornal da noite, e talvez um caramelo qualquer escreva umas linhas num blog qualquer. É isso. Está decidido.

Ainda bem que a nossa direita é assim. Enterram-se sozinhos. Mas é sempre bom dar uma valente ajuda.

Comments:
E já cá faltava a ideia peregrina de que a constituição coloca entraves ao desenvolvimento do país... Para não variar, por via do código do trabalho.
 
A expressao "Porque uma parte do pensamento da esquerda assenta na pregação e na legitimação da violência como motor de transformação histórica, e isso é que originou muitos movimentos, alguns que optaram pela via do terrorismo" nao esta' errada. Mas atribuir ai as origens do movimento islamista radical e' falsificar a historia.

O problema da direita e' o desconforto de admitir que foram eles que criaram este "monstro." Primeiro e sobretudo, pela violencia material que trouxeram ao Medio Oriente - o apartheid palestino, o garrote sobre as populacao iraquiana. E segundo, porque a origem organizacional da Al Qaeda vem da CIA. Bin Laden comecou a organizar a sua rede com o apoio dos EUA para combater os Sovieticos, porque a violencia justificava os meios, e porque inimigos dos meus inimigos meus amigos sao. Foram os EUA que armaram os islamitas na sua infancia organizacional, que lhe deram cobertura internacional como "freedom fighters" (RAMBO III!!!!)...

Esta abstracao: "violencia"; nao ajuda a distinguir esquerda e direita. O imperialismo tb no seculo XX, usou-a repetidamente completamente justificado como civilizador, o que afinal fazia Portugal nas colonias? O fascismo, que tem sido tanto do nosso interesse, glorificava a violencia como sinal da autoridade moral do povo superior. A direita e' violenta para com os inocentes. Nao me faz perder o sono que a esquerda seja violenta contra o opressor.
 
Pela minha parte vou com outro revolucionário: O Ghandi.
 
Foi exactamente quando o marxismo apareceu no mundo que o povo começou a ter mais direitos. Hoje, que está por um fio, estamos cada vez pior...
 
Amigos, tive uma revelacao! Uma visao fundamentada no pensamento revolucionario de Ribeiro e Castro. Salazar, Franco, Mussolini, Peron, Pinochet e Hitler foram os verdadeiros Marxistas do seculo XX!..
 
David,
Acho que essa e' uma associacao que lhes agrada e nao lhes e' assim tao estranha. Por muito absurda que soe quando dita com todas as letras...

Afinal, nao nos habituaram a comparar o Estaline e Lenine com o Hitler? Quantos livros nao existem a fazer estas pontes ideologicas?

Eles querem confundir a malta, transformar todas as alternativas ao presente, todo os discursos criticos, em uma massa unica aterrorizante ao olhar, que nem merece a pena considerar. Ver nas barbas do Marx os campos de concentracao do Hitler como se fossem todos parte de uma grande familia ideologica...

Eu recuso-me a tornar-me um imbecil, mas ja os jovens do PP talvez nao tenham a mesma sorte...
 
os jovens do PP ja nasceram em familias de imbecis, nao tem grande maneira de escapar `a imbecilidade dos circulos a que pertencem....
 
São más de mais para ser verdade estas afirmações desta figura, o Dr Ribeiro e Castro. Então e Hitler, Mussolini, Franco, Salazar, entre outros, eram por acaso de esquerda? Que eu saiba males como o Holocausto não foram causados pela esquerda... O atraso de Portugal deve-se a 48 anos de governos de esquerda? Que eu saiba o Estado Novo era uma ditadura conservadora de direita... Foi a direita que lutou e resistiu na clandestinidade contra o Estado Novo? Não, não foi... Foi a direita que conseguiu conquistas sociais como o direito à greve, a redução do nº de horas de trabalho semanal, o direito ao sindicalismo, e a protecção social? Também não foi. aliás actualmente a direita e os neo-liberais batem-se por acabar com esses direitos...
 
já se diz que 'nacional-socialismo' difere pouco de 'socialismo'... a partir daí acredito em tudo...
 
Enviar um comentário

<< Home


   

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

   
   
Estou no Blog.com.pt