18 março 2008

 

Murteira ... Nabo e Genial


Ele tem um dedo no pulso dos economistas como Bastonário da Ordem dos Economistas. Ele tem a mão no bolso dos portugueses enquanto Presidente do Conselho de Administração da Galp. Ele tem o braço na porta do poder político, ex-vereador, secretário e ministro de Estado, emissário ao oriente macaense.

Ontem nos Prós e Contras, ai pelo minuto 11 ou 12, os ânimos começaram a mover-se numa espiral de crescente optimismo face à situação económica. A cada ronda de comentários dos participantes engrossava o elogio dirigido aos presentes e a si próprios. Embriegado pelo optimismo, Murteira Nabo soltou a língua. Lembrou que há três anos a Galp estava em aparente crise mas que hoje e apesar da fraca prestação da economia portuguesa, cintila de crescimento e lucro.

Magicamente, entre 2005 e 2006 a contribuição percentual do sector “energético” nas exportações nacionais duplicou. Magicamente, o principal mercado para estas exportações foram os EUA.




O que aconteceu de tão decisivo nesse ano de 2005? O Ministro da Economia, Manuel Pinho, sentado no paínel dos Prós e Contras escolheu Murteira Nabo na audiência dos Prós e Contras para Presidir à gasolineira. Em 2005 também, o furacão Katrina dizimou a cidade de Nova Orleães e o grosso das refinarias Norte Americanas, localizadas no Golfo para aceder facilmente ao Atlântico e ao petróleo Texano. Da noite para o dia, Portugal sem petróleo tornou-se exportador de gasolinas. Produzir furacões para eliminar a concorrência é um modelo de gestão dramático e arriscado, e que não consta dos manuais. E nos EUA, poucos reconhecem que por detrás da calamidade natural estava a genialidade de um português. Ontem nos Prós e Contras a verdade sobre o empreendedorismo nacional foi revelada.

Comments:
Vi o programa. Para além do que dizes, notei que cada interveniente no "debate" quando queria dizer "os empresários portugueses", dizia "os portugueses", como se todos os portugueses fossem empresários. Adorei aquelas tiradas que os administradores americanos já atiraram para o caixote-do-lixo mesmo antes do último livro de Fukuyama. I had a ball!!!!
Depois da causa real da semana passada, vimos a classe empresarial.
Para onde caminha o prós e contras?"
 
Publicar um comentário

<< Home


   

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

   
   
Estou no Blog.com.pt