19 janeiro 2008

 

Piece of me




A economia americana pode estar em recessão, mas a Britney Spears está a fazer a sua parte para a manter à tona. Britney faz 9 milhões de dólares por ano, coisa pouca a comparar com a indústria que a suga.

O maior pedaço vai para os media. Entre Janeiro de 2006 e Julho de 2007, Britney Spears apareceu 175 vezes em capas de revistas, e as vendas renderam 360 milhões de dólares. Cada vez que é tema de capa, o tablóide vende mais 33% . O total anual para os media: 75 milhões.

20% do negócio dos paparazzi faz-se das fotos dela no cabeleireiro, no jacúzi e no Starbucks. Para estes freaks, a Britney vale 4 milhões de dólares por ano. Outro grande pedaço vai para os seus distribuidores e promotores. Os discos já renderam 400 milhões, os concertos 150 milhões, e os perfumes 100 milhões. A soma chega a 40 milhões de dólares por ano.

Finalmente o último pedacinho, vai para K-Fed, o ex- mais famoso da América. Recebe uma mesada de 35 mil dólares por mês. E cada vez que é convidado para aparecer em discotecas, restaurantes e novelas leva mais 30 mil, totalizando 1 milhão de dólares por ano.

Contabilizar este proxenetismo dá para ter pena da miúda. Mas a dificuldade é que ela é esta indústria, é um pedaço de texto, imagem e som. Até a música que aborda esta obsessiva atenção pública, Piece of Me, trivializa a sua gravidade e transforma a sua vida em refrão.

Comments:
Como é que se pode afirmar que a industria do entretenimento suga alguém, se dá a ganhar a esse alguém 9 milhões de dólares ano ?
 
Este tipo de "vida artística", por vezes até pode ser algo artística, mas raramente é vida.
Disse alguém, acho...
 
pois, dificilmente isto e' vida, e' ja' outra coisa qualquer...
 
Publicar um comentário

<< Home


   

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

   
   
Estou no Blog.com.pt